quinta-feira, 30 de abril de 2020

Cuia-vá | Aurelina Haydêe do Carmo


Para fechar o mês de Abril, uma poesia em Homenagem a nossa CUIABÁ - do livro * BOM DIA CUIABÁ ( autoria- Aurelina Haydêe do Carmo).
Cuia-vá
Aurelina Haydêe do Carmo

Lembranças fortes,
Desenhei o meu norte
E com muita sorte ,
Nos fins da tarde,
O povo aplaude,
Com muito alarde.
Vou contar uma história,
Já, já.
De uma CUIA que vá
Mansamente, sem canseira,
Nas ribanceiras,
No repuxo
Do rio CUIABÁ.
E a CUIA- vá.
Diz a lenda,
Nasceu CUIABÁ.

Um comentário:

Dica: Quem não tem senha no Google/Gmail clique:
Comentar como: "Anônimo"
deixe seu nome, cidade e comentário.