terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

O Fragateiro

O Fragateiro
Aurelina Haydêe do Carmo.

Como fragateiro
Viajou sem escrúpulo
No seu latíbulo,
Percorreu o mundo inteiro.

Rios caudalosos,
Mares bravios,
Empecilho
volumosos.

Por quê essa sina?
Sede de água fascina,
Tanto chão a desbravar...

Terras nunca pisadas,
Sementes a ser lançadas
E as águas a singrar.

Agora vamos estender o nosso BOM DIA a Cuiabá, Mato Grosso, Brasil e ao Mundo que neste momento esta precisando muito de um BOM DIA. Professora Aurelina Haydee do Carmo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dica: Quem não tem senha no Google/Gmail clique:
Comentar como: "Anônimo"
deixe seu nome, cidade e comentário.